Ponto de Equilíbrio – Aprenda a calcular

Postado em Updated on

Ponto de equilíbrio representa a quantidade de venda que precisa ser realizada mensalmente para gerar receitas suficientes para pagar todo o custo variável gerado, todas as despesas comerciais geradas e todos as despesas fixas que a empresa tiver no mês. Isto é, “empatar”. Não
ter lucro acumulado no mês, mas também não ter prejuízo.

• Significa que um volume de vendas inferior ao “ponto de equilíbrio” levará a empresa a ter prejuízo. Pois, no final do mês, não terá dinheiro suficiente para pagar as despesas fixas.

• Significa que um volume de vendas superior ao “ponto de equilíbrio” permitirá acumular lucro. É este lucro que realmente importa, o lucro acumulado num período, não somente o “lucro” proporcional de uma venda.

Note que, mesmo que tenha sido calculado “lucro” em cada venda, pode ser que o pagamento das despesas fixas do mês consuma todo este “lucro” e, no final do mês, o resultado da empresa seja nulo ou prejuízo. Muitas empresas entram nesta situação, pois realizam vendas com “lucro”, mas nunca sobra dinheiro no final do mês. Por que? Porque as despesas fixas levam tudo. A quantidade vendida é inferior ao que necessitaria vender.

Para acumular lucro é necessário vender acima do ponto de equilíbrio.
Exercite da seguinte maneira:

 

Neste cálculo, se não considerar o % de lucro, então o volume de vendas resultante será suficiente apenas para o ponto de equilíbrio. Isto é, o valor mínimo que terá de vender para não ter prejuízo, mas também não ter lucro. Mas se for considerado o % de lucro, então o resultado será o volume de vendas que precisa ser conseguido para obter o determinado montante de lucro.

Simbolicamente, somente para exemplificar, imagine uma empresa com Despesa Fixa mensal de R$4.725,00, o Custo Variável chegando a 64,5% do faturamento e as Despesas Comerciais alcançando 10,2% do faturamento. Qual deve ser o faturamento mensal desta empresa que
seja suficiente para pagar R$4.725,00 de Despesas Fixas, além das Despesas Comerciais e do Custo Variável que forem gerados?

• Se aplicarmos a fórmula, o Ponto de Equilíbrio = 4.725 / 1- (64,5% + 10,2%),
Ponto de Equilíbrio = 4.725 / 1 – 74,7%, ou, fazendo a transformação dos valores percentuais, 4.725 / 1- 0,747. Então, 4.725 / 0,253 = 18.675,90

O Ponto de Equilíbrio, isto é, o faturamento, deveria ser de R$18.675,90 mensais para pagar os R$4.725,00 de Despesas Fixas e o montante de Despesas Comerciais e do Custo Variável que for gerado para se obter este volume de faturamento. Note que, mesmo assim, não gerando
lucro nenhum. Se fosse desejado um lucro de 10,0%, então, o volume de vendas seria calculado assim:

• Volume de vendas = 4.725 / 1 – (64,5% + 10,2% + 10,0%).
Volume de vendas = 4.725 / 1 – 84,7%, ou, fazendo a transformação dos valores percentuais, 4.725 / 1- 0,847. Então, 4.725 / 0,153 = 30.882,40

Para obter um lucro de 10,0% (R$3.088,24) deveria efetuar um volume de vendas, isto é, um faturamento, de R$30.882,40, cerca de R$12.206,50 acima do Ponto de Equilíbrio.

Então, de novo chamamos sua atenção:
• Aprenda com precisão a calcular o Ponto de Equilíbrio de seu “Restaurante”. Determinar o volume de faturamento mínimo para não ter prejuízo. Estude bem este assunto, faça cursos, inclusive

• A fórmula de cálculo é simples, mas o que importa para a sua empresa é que você tenha domínio sobre todos os aspectos envolvidos nesta questão de volume de faturamento, não somente calcular um valor.

Fonte: www.sebrae.com.br

blog - feed blog - orkut

 

About these ads

17 comentários sobre “Ponto de Equilíbrio – Aprenda a calcular

    José Luiz Pedra disse:
    novembro 5, 2009 às 12:18 am

    Se tiver um custo total de R$ 13.ooo,oo no meu restaurante, qual seria meu ponto de equilibrio???

    Grato,
    J.L.Pedra

      Antonio disse:
      junho 3, 2011 às 12:09 pm

      Jose luiz tens que dar todos os dados não é só o custo total.

    claret disse:
    janeiro 27, 2010 às 1:26 am

    muito bom o assunto do ponto de equilibrio,aprendi demais valeu claret.

    osvaldo disse:
    maio 5, 2010 às 8:07 pm

    tenho algumas dúvidas, em relação ao faturamento quanto deve ser o custo fixo, o custo variável e o custo comercial ?

    EDIMAR SALOMAO disse:
    janeiro 21, 2011 às 9:20 pm

    Estou pretendendo abrir um comercio de frango assado, o preço de venda aqui na cidade é em media de R$12,00 (preço de compra cru R$6,50 unid.)Peço se possivel, uma ajuda para iniciar no mercado.
    atenciosamente
    Edimar Salomao

    Antonio disse:
    junho 3, 2011 às 11:59 am

    A questão do Edirmar e facil, primeiro estude o mercado,ver quais são os seus fornecedor os os produtos são acessivel,mas se estares a começar não deves aplicar o mesmo preço que os outros estão aplicar cria uma estrategia para que as pessoas te conhecer depois sim podes aplicar mas não se esqueça a qualidade e o local e de estrema importancia

    Antonio disse:
    junho 3, 2011 às 12:04 pm

    Osvaldo os custos fixos são aqueles que nos supotamos e não variam, ja custos variavel variam ao longo do tempo, ja a questão de custo comercial primeiro de aconselho a procurar uma pessoa que se especializou em contabilidade analitica, segundo tens que aprender a investigar as materia de extrema importancia assim dificilmente vamos se roubados ou nos dar alguma informação falsa

    ANDRÉ disse:
    julho 22, 2011 às 2:40 am

    essas porcentagens são padrões?

    (64,5% + 10,2% + 10,0%).

    imagino eu que: o % de lucro eu determino
    se o custo variável e as despeças comerciais não são % padrão, como saber de fato a porcentagem.

    por exemplo, minha despesa fixa esta em torno de R$ 16000,00 por mês, isso inclui, 9 funcionários, aluguel, água, luz, gás, telefones. sem contar com a compra de mercadorias, que vai de acordo com a demanda.

    PRECISO SABER E APRENDER A CALCULAR QUANTO DEVO FATURAR NO MÊS PARA SUPRIR TODAS AS NECESSIDADES PARA COMEÇAR A OBTER LUCRO.

    carlos disse:
    novembro 19, 2011 às 11:43 am

    caro amigo estou em um tremendo dilema estou querendo iniciar um pequeno restaurante no sistema self service,gostaria de saber como calcular custo ja que são varios itens ?

    eduardo disse:
    dezembro 7, 2011 às 1:42 am

    faturo R$ 57.149.97, fixo R$ 10.784.45, variavel R$ 40.385,46 por que não consigo pagar minas contas? se o ponto de equilibrio é de R$ 36.756.00?
    Obrigado

      Thomás disse:
      fevereiro 7, 2012 às 4:36 pm

      Custo fixo = R$10.784,45 (21,1%)
      Custo variavel = R$ 40.385,46 (78,9%)

      10.784,45/(1-0,789) = 51.111,14 (Ponto de equilibrio)

      Verifique então se não há mais gastos, já que não está lucrando, porque pelo menos pagando as contas você com esses valores estaria

    lossy disse:
    fevereiro 7, 2012 às 9:00 am

    oi gente a minha duvida e a seguinte; quero pagar 15 porcento dos lucros ao meu gerente mas xtou numa fase inicial e nao tenho nocao do que da um restaurante, como fazer.

    silvia andrade pinheiro disse:
    março 30, 2012 às 2:58 am

    mingas despesas variáveis e fixas dão 10.902,00 quando pago tudo fico com um pequeno valor, gostaria de saber qual o lucro para este valor, preciso saber onde estou errando.

    Bruno disse:
    maio 30, 2012 às 1:37 pm

    Minhas despesas fixas e variáveis giram em torno de R$ 60.000,00. Como faço com os impostos que não estão inseridos nela? Qual é o valor que preciso faturar considerando os impostos?

    Hugo disse:
    agosto 31, 2013 às 8:05 am

    ola
    antes de mais é preciso entender a formula. desta forma vao entender os calculos.

    a base é esta (regra de ouro), definicao de ponto de equilibrio

    volume de vendas – despesas totais = 0
    ou
    volume de vendas – despesas totais – lucro = 0

    ou seja

    V.V-(despesas variaveis)-(despesas comerciais) – (despesas fixas)-(lucro)=0

    se as despesas variaveis dependem da facturacao entao
    despesas variaveis=Y x V.V sendo Y a percentagem

    se as despesas comerciais dependem do volume de vendas entao
    depesas variaveis= Z x V.V sendo Z a percentagem

    ou seja a expressao acima fica

    V.V – (YV.V) – (ZV.V) – Despesas fixas=0 (nao considerei o lucro para ficar mais simples mas é so acrescentar a expressao.

    que e q mesma coisa que

    V.V (1-Y-Z) – despesas fixas = 0

    ou

    V.V (1-(Y+Z)) = despesas fixas

    ou seja

    V.V. = Despesas fixas / (1-(Y+Z))

    o segredo esta em definir bem o que sao despesas fixas e variaveis e calcular isso muito bem.

    espero ter ajudado a desmistificar a formula que e tao simples. agora e so comecar a brincar com a formula

    Marcelo disse:
    setembro 28, 2013 às 8:28 pm

    Gostaria de saber se os valores percentuais 4725/0.153 varia ou é uma regra para obter lucro de 10% e se varia como achar esse percentual pois só encontro o valor da transformaçao percentual e nao consigo achar o outro.

      Alison respondido:
      outubro 8, 2013 às 7:01 pm

      Bom dia Marcelo. Estes valores variam sim e são encontrados conforme mostrado na matéria, ou seja, 4725 é a despesa fixa mensal da empresa. Você deve levantar o valor das despesas fixas mensais em sua empresa e substituir pelo valor 4725 que é de uma empresa imaginária. Com relação ao 0,153 note que ele foi encontrado através do somatório do Custo Variável (64,5% do faturamento), das Despesas Comerciais alcançando (10,2% do faturamento. ) e da margem de lucro 10% subtraído do número 1. Substitua pelos números da sua empresa e você encontrará o ponto de equilíbrio.

      Abraços

      Alison Figueiredo

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s