50 coisas bacanas em restaurantes e bares de São Paulo–Parte 2/5

Postado em

Dando continuidade ao primeiro post veja a seguir mais algumas coisas bem interessantes encontradas nos restaurantes e bares de S]ao Paulo.

11. Na faixa

06122013

Aparentemente sem graça, pequenas jarras bojudas de vidro são a atração do Le Jazz Brasserie, em Pinheiros. Nelas, é servida, de cortesia, água filtrada à vontade para todos os clientes, gentileza adotada por outros restaurantes da cidade.

12. Horta na Paulista

06122013A

Quase ninguém nota, mas escondidinho atrás do restaurante Spot, em Cerqueira César, há um jardim de ervas. Esparramam-se pelos canteiros manjericão, lavanda, alecrim, tomilho e hortelã, além de árvores como um pé de louro e uma pitangueira.

13. Conhece o shuffleboard?

06122013B
No mezanino do Hooters, na Vila Olímpia, encontra-se uma mesa de shuffleboard, única no Brasil. O jogo, semelhante à bocha e ao curling, transcorre sobre o tampo, com 6 metros de comprimento. Pagam-se 20 reais por partida, da qual participam quatro pessoas.

14. Guitarra de B.B. King

06122013C
O mestre do blues não só fez o show de inauguração do Bourbon Street, em Moema, em dezembro de 1993, como se apresentou por lá outras cinco vezes. Presente do próprio Mr. King, a guitarra Lucille autografada fica exposta numa redoma de vidro, logo na entrada da casa.

15. Teto folheado a ouro

06122013D
O luxuoso The Blue Bar, no Itaim, convida os clientes a olhar para cima. Reluzente, o teto da casa é revestido por 90 metros quadrados de folha de ouro e levou 76 dias para ser concluído.

16. Marmita chique

06122013E
Que prato que nada! Algumas sugestões que são servidas no restaurante Brasil a Gosto, no Jardim Paulista, chegam em marmitas estilizadas de cerâmica. Reforça o jeitão caipira o pano em que vêm amarradas antes de ir à mesa.

17. Muito axé sobre as cabeças

06122013F

A brasilidade dá o mote da decoração do concorrido Eu Tu Eles, no Itaim. Num dos ambientes, veem-se 4.000 fitinhas do Senhor do Bonfim penduradas no teto. Compradas na região da Rua 25 de Março, elas foram presas uma a uma em linhas de náilon. Além de enfeitar, têm o propósito de trazer sorte à casa.

18. Cerveja no ofurô

06122013G
Para refrescar loiras, ruivas e morenas etílicas, o trio de churrascarias Pobre Juan inventou um método original: põe as garrafas em uma tina japonesa para banho repleta de gelo.

19. Glamour em degraus

06122013H

A chegada ao bar e à sala de espera do recém-inaugurado restaurante Clos de Tapas, na Vila Nova Conceição, é feita por uma bonita escada com vinte degraus de madeira encaixados em uma sinuosa estrutura de ferro.

20. Azulejos de grife

06122013I
Uma das paredes do restaurante Dalva e Dito, no Jardim Paulista, tem azulejos com desenhos do artista plástico carioca Athos Bulcão (1918-2008), cujas obras ornamentam e revestem o melhor da arquitetura de Oscar Niemeyer em Brasília e em Belo Horizonte.

Fonte: http://vejasp.abril.com.br

banner_analise_financeiro

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s