Atendimento

Confira os melhores cursos para melhorar a gestão do seu restaurante

Postado em

A “GR Treinamento em Gestão de Restaurantes e Gastronomia” é uma empresa focada na educação profissional e qualificação de pessoas e empresas atuantes no mercado gastronômico. Atuando a 10 anos no mercado a GR disponibiliza cursos em diversas áreas do setor gastronômico com o objetivo de profissionalizar, especializar e qualificar pessoas na gestão e operação de seu negócio. Nossa empresa atende a restaurantes, bares, pizzarias, cafeterias dentre outros.

CONFIRA OS 8 CURSOS MAIS VENDIDOS EM TODO O BRASIL

1- Administrando Restaurantes e Bares

administrando restaurantes

 

 

 

Quero este!!

 

2 – Análise e Controle Financeiro para Restaurantes

 

 

 

Quero este!!

 

3 – Planejamento de Cardápios para Restaurantes

planejamento de cardápios

 

 

 

Quero este!!

 

4 – Elaboração de Ficha Técnica para Restaurantes

 

 

 

Quero este!!

 

5 – Formação de preço de venda para restaurantes e bares

 

 

Quero este!!

 

6 – Restaurante de Sucesso!! 50 Estratégias para lucrar mais

 

 

Quero este!!

 

7 – Como montar um restaurante

como montar um restaurante

 

 

 

Quero este!!

 

8 – Cardápios para Restaurantes Self-service

cardápio para restaurantes

 

 

Quero este!!

Anúncios

Seu restaurante realiza reuniões semanais com sua equipe?

Postado em

Praticamente todos os restaurantes bem-sucedidos têm uma discussão semanal. E o seu restaurante?

Uma característica comum de muitos restaurantes de sucesso é a prática do proprietário ou do gerente de reservar alguns minutos para se reunir com sua equipe.  Eles regularmente se reúnem para avaliar o desempenho do restaurante, abordar questões adversas que aconteceram durante a semana anterior e decidir as ações que serão realizadas nos próximos sete dias.

Ter uma revisão semanal e disciplina de planejamento ajuda os colaboradores a entender claramente quais são suas prioridades e o que precisam fazer para atingir metas e objetivos específicos, de curto prazo.

O objetivo desta abordagem é ter uma reunião de gerenciamento semanal breve e bem organizada em que todos participem.

As reuniões semanais geralmente incluem uma revisão e discussão dos seguintes itens:

• Uma lembrança da missão, visão e valores do restaurante
• Compromisso assumidos da semana anterior
• Expor o desempenho do restaurante em termos de vendas e número de clientes atendidos.
• Reforçar a importância das Tarefas diárias dos colaboradores
• Análise semanal da equipe – uma discussão sobre o desempenho dos colaboradores, discutir ações que não atendem aos padrões e que pode ser melhorado
• Traçar e expor os objetivos da semana, como metas de vendas e custos, projetos de reparação e manutenção, próximas promoções de marketing, eventos programados.
• Uma revisão de todas as etapas de ação e compromissos assumidos durante a reunião

Reuniões semanais melhoram as probabilidades de que seus colaboradores atuem de forma organizada, orientados para os objetivos estabelecidos e que compreendam claramente suas prioridades. Eles também são mais propensos a sentir que são uma parte integral e importante do seu restaurante também.

Se está faltando direcionamento em sua equipe, comece a reunir-se ao mesmo tempo a cada semana para discutir como o restaurante está fazendo e metas específicas para melhorá-lo.

Com a contribuição de todos e sua orientação, você começará a ver uma equipe mais efetiva e um restaurante de melhor desempenho.

Fonte: GR Gestão de Restaurantes

Dono de restaurante inova e usa poesia para rebater crítica preconceituosa na web

Postado em

Qual a melhor maneira de responder a um comentário preconceituoso? Após receber uma avaliação negativa de um cliente insatisfeito, com uma mensagem de teor pejorativo contra o Nordeste, o sócio de uma franquia de restaurantes especializados em comida nordestina resolveu rebater o ódio de uma maneira diferente: com poesia.

Com o título “Só pode ser nordestino”, o usuário escreveu na web a seguinte crítica: “Péssimo. Parece bom, mas os ingredientes não são frescos. Outro detalhe foi o atendimento muito demorado (mais de 45 minutos para um prato de 2 pessoas). Também quando veio a conta estava errado”.

“Já passamos por situações parecidas, em que clientes agem de maneira preconceituosa, uma ou duas vezes dentro do restaurante, mas nada que chamasse tanta atenção”, contou Thales Osterne, um dos proprietários do Coco Bambu na cidade de Campinas, no interior de São Paulo, em entrevista ao UOL.

Foi ele o responsável por responder ao comentário recebido, algo que afirmou que o restaurante sempre procura fazer para não deixar nenhum cliente, satisfeito ou insatisfeito, sem resposta. Além disso, ele revelou que, de
início, não soube como reagir ao ataque feito pelo usuário, mas que não poderia retribuir na mesma moeda.

“Em um primeiro momento, fiquei sem reação, sem saber o que fazer após ver um comentário tão preconceituoso. Sempre tentamos tratar nossos clientes da melhor forma possível, e não seria diferente desta vez. Eu penso assim: uma vez que a pessoa te agride, talvez ela esteja passando por um momento ruim na vida. Neste caso, ficou bem claro que quem tem algum problema é ela. Então, foi uma forma sutil de mostrar que isso
é um crime”, afirmou Osterne.

Sobre a sequência do caso, ele afirmou que não pretende tomar nenhuma atitude legal contra o cliente. O empresário agradece apenas pelo apoio recebido, não só de pessoas de outras filiais do Coco Bambu, mas também nas redes sociais.

“Logo depois que publiquei a resposta, dei o caso por encerrado. Para mim, o mais importante é que a gente siga em frente e mostre aos nossos colaboradores, que vêm das mais diversas partes do Brasil, que nós somos orgulhosos de ter tanta gente diferente trabalhando aqui. Mostramos que a empresa está ali, junto com eles”,
finalizou.

Trecho da poesia ‘Sou Cabra da Peste’, de Patativa do Assaré, usado na resposta:

“Eu sou de uma terra que o povo padece Mas nunca esmorece, procura vencê,
Da terra adorada, que a bela caboca
De riso na boca zomba no sofrê.
Não nego meu sangue, não nego meu nome
Olho para fome e pergunto: o que há?
Eu sou brasilêro fio do Nordeste,
Sou cabra da peste, sou do Ceará.”

Fonte: https://noticias.bol.uol.com.br/ultimas-noticias/brasil/2017/09/04/dono-de-restaurante-inova-e-usa-poesia-para-rebater-critica-preconceituosa-na-web.htm

Como manter as batatas fritas quentes e crocantes em seu delivery

Postado em

Quando trabalhamos com delivery nos esforçamos para que o produto chegue até a casa do cliente com a mesma qualidade como se estivesse sendo servido na mesa do nosso restaurante. Precisamos garantir que as características primordiais dos pratos sejam mantidas e a principal delas é a temperatura, afinal ninguém gosta de comer comida fria. Mas quando se trata de batatas fritas muitos restaurantes ainda sofrem com reclamações de clientes que receberam as batatas murchas.

Batata frita é um caso sério não é mesmo, pois precisamos garantir temperatura e a crocância até chegar no cliente, é uma luta contra o tempo. Então como devemos proceder para garantir estes dois fatores?

Veja nesta vídeo aula como manter as batatas quentes e crocantes e qual a temperatura e o tempo ideal para entregá-las até a casa do cliente.

Como aumentar o faturamento comemorando o aniversário do cliente

Postado em

O aniversário é do cliente, mas quem comemora é você.

Um dos motivos que leva o cliente ao seu restaurante para comemorar sem que seja o dia das Mães, dos Pais ou dia dos namorados é nada mais nada menos que o seu aniversário.

Surpreendentemente, os aniversários são ignorados por alguns donos de restaurantes porque são distribuídos uniformemente ao longo do ano e você acaba não percebendo que as comemorações de aniversário podem gerar um impacto muito significativo nas vendas. Quem já aposta nesta estratégia de vendas sabe que é bem rentável para o seu restaurante. Muitos restaurantes utilizam desta técnica para atrair clientes para seus estabelecimentos no dia do seu aniversário.

Se você analisar as mesas em que os clientes estão comemorando o aniversário de alguém perceberá que o ticket médio desta mesa tende a ser pelo menos 20% maior que as mesas com o mesmo número de pessoas que não estão comemorando nenhum tipo de evento.

Supondo que você consiga atrair um único cliente por semana para comemorar seu aniversário em seu estabelecimento e que a mesa deste cliente consuma pelo menos R$ 300,00 você terá um aumento de R$ 15.600 reais em seu faturamento anual considerando que o ano possui 52 semanas. Éum valor bem considerável que pode ser responsável pela folha de pagamento de 3 a 5 funcionários por um mês.

Mesmo levando em conta o dia das mães, um dos mais rentáveis no ano é pouco provável que você consiga preencher 52 mesas neste único dia, muitos restaurantes não possuem nem mesmo esta quantidade de mesas em seu salão. E veja que estamos considerando um cenário modesto com apenas um cliente comemorando seu aniversário por semana.

A estratégia dos restaurantes que investem nesta modalidade e que obtém muito sucesso com isto é captar o nome, o email e a data de aniversário do cliente deixando alguns vouchers na mesa para concorrerem a algum tipo de promoção. Quando há a possibilidade de ganhar algo os clientes são bem solícitos a fornecer este tipo de informação. Duas semanas antes do aniversário envie um email ou mensagem de texto para o cliente oferecendo uma cortesia para comemorar seu aniversário no restaurante. Pode ser um determinado número de chopps, uma sobremesa ou outra cortesia caso a mesa atinja um valor mínimo.

Veja as vantagens em atrair clientes para comemorar o aniversário em seu restaurante:

  • As mesas de aniversário possuem sempre mais clientes
  • Os tickets médios tendem a ser pelo menos 20% maiores que uma mesa tradicional
  • Muitos aniversários caem durante o meio da semana, dias em que o restaurante não recebe muitos clientes
  • Os aniversariantes tendem a trazer novos clientes para o restaurante

Os aniversários geram uma boa oportunidade para os restaurantes e se você realizar um bom trabalho de marketing nos aniversários suas vendas e seu lucro aumentarão consideravelmente.

Fonte: GR Gestão de Restaurantes

Ideias simples e comprovadas para motivar sua equipe

Postado em

Em um restaurante podemos notar que na equipe de vendas existem colaboradores com os mais diversos perfis. Existem os que realizam suas atividades dentro dos padrões que são estabelecidos pela empresa, existem os que não se esforçam muito para isso e em alguns casos deixam um pouco a desejar e existem aqueles que são diferenciados em tudo que fazem, mostrando comprometimento e eficiência até mesmo nas tarefas mais simples.

É preciso valorizar o trabalho dos bons, incentivar a melhoria dos razoáveis para que eles também se tornem bons e demonstrar aos que possuem baixo desempenho qual é o padrão desejado para que eles compreendam que precisam melhorar.

Uma boa sugestão para isto é um programa de incentivos que premia os melhores e instigam os outros a conquistar o reconhecimento pelo seu trabalho.

Conceito: UAU!!!

Imprima pequenos cartões escrito na frente a palavra UAU!! e deixe nas mesas. Dentro do cartão há um espaço para explicar o que o atendente fez que despertou o sentimento de “Uau!!” para o cliente. Dentro do cartão também há um espaço para o cliente preencher o seu nome e telefone e também o nome do funcionário que despertou um Uau!!! Os cartões vão para um frasco e todo mês é feita a contagem do funcionário que recebeu o maior número de Uau!!!. O funcionário recebe uma gratificação pelo destaque no atendimento e um dos clientes é sorteado com um prêmio no restaurante, que pode ser um prato ou um voucher com um valor pré-estabelecido.

Conceito: Pego fazendo o bem

No conceito chamado” Pego fazendo o bem “, em um quadro de avisos, notas são escritas por gerentes e colegas de equipe sempre que eles são flagrados por outro empregado fazendo algo que se alinha com a declaração de missão da empresa ou faz algo excepcional para aprimorar a experiência do cliente.

É tão eficaz quanto um prêmio do empregado do mês, pois fornece reconhecimento imediato e público para uma ação ou realização do empregado.

O que o seu restaurante faz para recompensar suas pessoas por fazer algo excepcional?

Fonte: GR Gestão de Restaurantes

 

Smart Rede: uma máquina de cartão que pode sair cara?

Postado em

A Rede, uma das maiores empresas do ramo de máquinas de cartão no Brasil, decidiu modernizar os seus aparelhos. Ao que parece visando competir diretamente com a Cielo Lio, a Smart Rede é um misto de tablet e terminal de pagamento que traz modernidade ao seu ponto de venda.

Mas, será que esta é mesmo uma alternativa interessante para a sua frente de caixa?

Smart Rede tem design inovador

A primeira coisa que você vai notar quando vir a Smart Rede é o seu design inovador. Ela conta com duas telas, o que permite que lojistas e clientes acompanhem a transação ao mesmo tempo.

Ela vem com bateria embutida, alto-falantes (com controle de volume), câmera, microfone, porta micro USB, antena NFC, leitor de QR code e código de barras, além do leitor de cartão e impressora de comprovante de pagamento. Isso significa dizer que esta máquina de cartão está pronta para aceitar diversas formas de pagamento, inclusive as mais modernas.

O seu processador quad-core permite o uso agregado a vários aplicativos voltados para a realização e controle das atividades financeiras de seu negócio. De fábrica, ela já vem com o app Pagamentos (que permite o recebimento de pagamentos e emissão de relatórios), o app Rede (para antecipção de saldos e outras ações financeiras) e o app do internet banking Itaú Empresas.

A sua conexão com a internet acontece via 3G, Wi-Fi ou cabo Ethernet (IP banda larga) e de forma independente, pois ela já vem com chip 3G de fábrica – ou seja, ela não precisa de celular para funcionar. Porém, diferente da sua maquininha Mobile Rede, o seu tamanho e design não é ideal para mobilidade, sendo mais adequado para lojas físicas.

Máquina de cartão da Rede aceita diversas formas de pagamento

Já que esta solução parece ter vindo para substituir as tradicionais máquinas de cartão da Rede, não é de se espantar que ela conte com o amplo portfólio de cartões de crédito e débito oferecidos pela empresa.

A Smart Rede faz vendas no débito, crédito à vista, parcelamento, e também aceita voucher (cartões-refeição e benefícios) e faz recarga de celular.

As bandeiras aceitas no débito e crédito são Visa, MasterCard, Hiper, Elo, UnionPay, Cabal e Banescard; e, no crédito, você contará com Discover, Diners Club, JCB, Mais!, Coopercard, Sorocred, e Credz.

Os vouchers disponíveis precisam ser negociados diretamente com as bandeiras para habilitação e negociação de taxas. São eles: Ticket, Sodexo, VR, GrenCard, Verocheque, UpPlan, Nutricash, Cooperland, BNBclube, Cabal, Sorocred e Alelo.

Taxas e custos não estão disponíveis no site

Apesar de, do ponto de vista tecnológico, a Smart Rede parecer ser uma solução atraente, especialmente para quem atende clientes exigentes, o fato é que não se sabe se isso tudo pode acabar saindo caro.

O site da empresa não informa quais os custos e taxas envolvidos, nem se é preciso assinar contrato de locação ou qual documentação deve ser apresentada. Apenas o telefone da Central de Atendimento é disponibilizado com a informação de que a máquina de cartão está disponível apenas para algumas regiões do Brasil – sem especificar quais.

Também se sabe que é possível solicitar a antecipação de saldos de forma avulsa ou programada, além de optar pelo Plano Flex e receber as vendas no crédito após 2 dias úteis. Porém, não há maiores detalhes sobre isso em termos de procedimentos e taxas envolvidas.

curso restaurante

Fique atento

Assim, fica claro que a Smart Rede é um produto inovador, e que será interessante ver se ela ou a Cielo Lio vai se tornar a preferida das lojas físicas de grande porte.

Já para microempreendedores, pequenos empresários e autônomos, esta não deve ser uma alternativa interessante, pois é pouco provável que o seu custo total seja acessível diante de tantas funcionalidades. Ela também é muito grande para quem quer algo que possa levar no bolso ou na bolsa.

Além disso, vale ressaltar que você ficará dependente da Rede em termos de aplicativos. Ainda que desenvolvedores privados estejam sendo convidados para criar apps para a Smart Rede, o sistema sempre contará apenas com soluções aprovadas pela mesma e você poderá passar por dificuldades se quiser usar um sistema PDV alternativo, por exemplo.

Fonte: https://br.mobiletransaction.org/smart-rede/

(tags: restaurantes)

curso restaurante