bebidas

Como fornecer refeições Marmitex

Postado em

O manual contém 66 páginas e é fornecido em CD que acompanha planilha de fluxo de caixa e dois modelos de cozinhas semi-industriais.

Iniciar um novo empreendimento como fornecedor de marmitex pode ser uma boa alternativa para quem deseja ingressar no ramo de alimentação, mas não possui conhecimento na área ou capital suficiente para montar um pequeno restaurante. Este novo empreendimento pode se tornar a porta de entrada para o início de um grande negócio.

Este manual aborda todas as questões relacionadas ao fornecimento de marmitex. Saiba com formalizar seu novo empreendimento, aprenda a conhecer o mercado e como estruturar seu negócio para crescer e se tornar um empreendedor de sucesso.

Com uma abordagem bastante objetiva, o manual auxilia na formação de preço do marmitex, na administração básica do negócio com uma planilha de apoio para auxiliá-lo no lançamento de receitas, despesas e no fluxo de caixa. Traz também 30 sugestões de cardápios para colaborar na criação do próprio cardápio do estabelecimento.

calculo

Além disto, apresenta os tipos de embalagens de marmitex existentes no mercado, bem como utensílios e equipamentos necessários para da início ao seu novo negócio. A cozinha de uma pequena empresa de fornecimento de marmitex não demanda muito investimento, mas deve ser organizada de modo a facilitar na produtividade diária.

marmitex

Este manual contém dois modelos de pequenas cozinhas semi-industriais montadas exclusivamente para o fornecimento de marmitex dentro das normas de segurança e focadas numa produtividade eficiente.

projeto_cozinha

A divulgação do negócio, principalmente na fase inicial é fundamental. Conheça as técnicas de marketing mais utilizadas pelas empresas de fornecimento de marmitex , escolha a que melhor atende ao seu orçamento e esteja preparado para vender.

Aprenda os conceitos básicos de segurança alimentar para produzir refeições com qualidade e livre de contaminações, além de dicas essenciais para quem pretende se dar bem com seu novo empreendimento.

Para adquirir o manual basta clicar aqui.

Anúncios

Sete passos para tirar o Chopp Brahma

Postado em Atualizado em

 

image

1. A Caldereta

A caldereta é o copo ideal para se servir o Chopp Brahma. Seu formato é perfeito por valorizar todo o aroma e sabor da bebida. Além disso, a limpeza é fundamental para manter as características excelentes da bebida, como a quantidade de gás carbônico e a duração do colarinho.
O profissional do chope deve sempre lavar a caldereta com detergente neutro e enxaguá-la em água corrente. Esse procedimento garante a total limpeza do copo, para que não haja gordura ou algum tipo de resíduo. É muito importante observar a caldereta contra a luz e verificar se ela está, de fato, sem resíduos ou sujeira de qualquer natureza.

2. O Preparo

Quem gosta de saborear um bom Chopp Brahma sabe que a temperatura certa é ponto fundamental. Para isso, é necessário resfriar a caldereta imediatamente antes da tiragem do Chopp. Deste modo, quando o cliente o levar à boca terá desde o primeiro momento a sensação deliciosa da bebida.
O tirador de chope deve resfriar a caldereta com gelo e água ou somente com água gelada. Mas, muito importante: nunca deixar as mãos entrarem em contato com o líquido. Esse erro grave contamina a água com gordura e sujeira.

3. O Segredo

O primeiro jato do chope deve ser dispensado, para que cada gota Chopp Brahma servido ao cliente esteja fresca. Num país repleto de superstições, podemos dizer que: “o primeiro é pro santo”, mas a verdade é que este procedimento evita a espuma em excesso e garante que a bebida seja servida gelada.

4. A Refrescância

Ao servir o Chopp Brahma é fundamental que o chopeiro segure a caldereta com a ponta dos dedos, na sua parte inferior. O método impede que o calor das mãos seja transferido para o copo, deixando-o fresquinho para o chope.
A caldereta deve ser mantida a um ângulo de 45º graus, enquanto a torneira é aberta. Deixe o líquido escorrer suavemente sem formação de espuma e preencha dois terços do copo com a bebida límpida, clara e brilhante.

5. O Creme

No Chopp Brahma bem servido, um colarinho cremoso é fundamental. Quem realmente entende de chope sabe que o colarinho serve pra deixá-lo com aparência irresistível e, principalmente, para manter o aroma, a temperatura e o sabor característicos da bebida.
Para formação de um perfeito colarinho, após a tiragem do líquido, coloque a caldereta em posição de 45º graus e, gradativamente, volte à posição vertical. Para saber se o colarinho está perfeito, verifique se está com, no mínimo 2 dedos de espessura, cerca de 2,5 cm, e se tem a aparência bem cremosa e espessa.

6. O Choro

Aqui está todo o charme do chope. Ao cremar, deixe que parte do colarinho transborde e escorra pela caldereta até eliminar as bolhas grandes, e assim permaneça somente o creme. Este procedimento evita que o colarinho desapareça rapidamente, sendo a garantia de um chope cremoso por muito mais tempo. Mas lembre-se: o bico da chopeira jamais deve entrar em contato com o líquido ou com o colarinho.

7.O Reconhecimento

Todo cuidado com a aparência do chope é fundamental nesta etapa. Por isso, antes de servi-lo, limpe a base da caldereta para que o cliente não a receba pingando. Sirva o Chopp Brahma sobre uma bolacha limpa e com a logomarca da caldereta virada para o cliente. Um produto de altíssima qualidade e reconhecido como o melhor chope do Brasil, merece ser servido com um vigoroso “Saúde!”.

Fonte: http://gastronomiaenegocios.uol.com.br

planejamento_cardapios

Máquinas de café superautomáticas para profissionais unem praticidade à qualidade

Postado em Atualizado em

Technorati Marcas: ,

clip_image002

Os modelos Idea Coffee, Idea Cappuccino e Idea Cup são garantia de qualidade e praticidade. São 3 módulos que podem ser utilizados separadamente ou em conjunto. “Essas máquinas possuem tecnologia de ponta para se tirar um café perfeito até para estabelecimentos que não podem ter um barista”, explica Paulo Bertazzo, diretor comercial da divisão de máquinas profissionais da Saeco.

A linha Idea é utilizada por empresas como a rede de cafeterias Starbucks. Agora, integrará também um projeto voltado para panificadoras desenvolvido pelo grupo Sara Lee – que comercializa as marcas Pilão, Caboclo, Café do Ponto, União e Seleto.

O modelo Idea Coffee foi projetado somente para a extração de café. Ele possui programador individual de doses, o que permite que se mantenha o mesmo padrão em todos os espressos retirados pela máquina. A Idea Cappuccino, por sua vez, prepara cappuccinos em apenas 30 segundos e somente com um toque de botão. Esta máquina também garante a utilização simultânea para a extração de café, o aquecimento de água quente para chás e a vaporização do leite. A Idea Cup é o módulo aquecedor de xícara que, por seu design prático e compacto, é capaz de armazenar até 45 xícaras sem ocupar muito espaço

 

Divulgue : banner_como_montar_restaurante

A arte do Café

Postado em Atualizado em

Technorati Marcas: ,,,

imageRealmente a habilidade de se decorar um café expresso se tornou uma arte. Para os baristas este é um trunfo à mais na hora de vender aquele cafezinho expresso ou pelo menos uma maneira diferenciada de mostrar aos clientes seu prestígio na casa.

image

Para que quiser ver videos demostrando os processos é só procurar no Youtube. Pra dar uma forcinha aos meus leitores separei um ví

deo do próprio Youtube.

Para visualizá-lo clique aqui

image

image

image

image

banner_cardapio_rest_ss

Digg This